Veja as prováveis formações de Madureira e Fluminense

Eduardo é adepto de treinos mais pesados (Foto: Nelson Perez - FFC)

Eduardo tem estreia de Diego Souza e volta de Henrique no Fluminense (Foto: Nelson Perez – FFC)

Madureira e Fluminense entram em campo nesta quinta-feira, às 17h, no Moacyrzão, pela terceira rodada do Campeonato Carioca. No Tricolor das Laranjeiras, o técnico Eduardo Baptista praticamente definiu a equipe. Diego Souza, regularizado, estreia oficialmente e entra no lugar de Douglas. Henrique retorna após suspensão e fica com a vaga deixada por Renato Chaves, lesionado. Do outro lado, o Tricolor Suburbano, do treinador Alfredo Sampaio, também não tem muito mistério e deve ter a mesma escalação da vitória na rodada anterior sobre a Cabofriense. Veja as prováveis formações.

Madureira: Rafael, Filippe Formiga; Daniel, Jorge Fellipe e Ernani; Everton, Ryan e Leandro Chaves; Arthur Faria, Geovane Maranhão e João Carlos.

Fluminense: Diego Cavalieri, Wellington Silva, Henrique, Marlon e Giovanni; Pierre, Cícero, Danielzinho, Diego Souza e Gustavo Scarpa; Fred.

Lembra dele? Revelado pelo Flu, Tartá pode parar no Botafogo

Tartá estava no futebol da Coreia do Sul (Foto: Photocamera - Arquivo)

Tartá estava no futebol da Coreia do Sul (Foto: Photocamera – Arquivo)

Sem clube e tentando se recuperar fisicamente, o meia-atacante Tartá, revelado pelo Fluminense, deve fazer um trabalho de condicionamento físico no clube de General Severiano. O convite, que veio do próprio Botafogo, não significa uma contratação. Porém, como explica o jornalista da Rádio Tupi, Thiago Veras, o atleta será avaliado pelo clube.

Vale destacar que o jogador já trabalhou com Antônio Lopes e é bastante conhecido por Ricardo Gomes, peças que ditam as regras no departamento de futebol do alvinegro carioca.

De volta ao Flu, Gerson é muito elogiado por Eduardo Baptista

gersonNegociado com a Roma por 16 milhões de euros, o meia Gerson voltou ao Fluminense, onde ficará por empréstimo até o meio do ano, já que a equipe italiana ultrapassou o limite de atletas extracomunitários. Feliz com o retorno, o técnico Eduardo Baptista fez rasgados elogios ao jovem jogador.

– Gerson é um jogador acima do normal. É jovem, mas tem uma ótima leitura de jogo. Ele precisará de um tempo, pois não fez a pré-temporada. É um jogador que encaixa no nosso time. Tem a qualidade do passe, de um drible. Ele entrando em forma, vai nos ajudar demais – afirmou.

Conversas para a construção da loja oficial do Flu estão avançadas

dryO Fluminense deve ter, muito em breve, um de seus objetivos alcançados: a criação de uma loja oficial nas Laranjeiras. Segundo informações do jornalista da Rádio Tupi, Artur Machado, o espaço deve ficar de frente para a Pinheiro Machado e terá os custos bancados pela Dryworld. Enquanto isso, os novos uniformes têm previsão de estreia para o mês que vem.

O NETFLU está em todas as redes sociais. Acompanhe-nos

twitter3-300x200-300x200Mantendo a tradição de trabalhar com todas as ferramentas possíveis para facilitar o acesso dos torcedores às informações, o NETFLU também está disponível no Google Plus, além do Twitter e do Facebook. Os tricolores que ainda não conhecem a mais nova rede social e querem fazer parte da família do portal, basta ter uma conta google, clicar aqui e acompanhar.

Eduardo lamenta novamente não poder utilizar o Maracanã

EDUARDO-BATISTA-FLUMINENSE

O Fluminense não pode contar com o Maracanã neste início de ano. Como o estádio está entregue ao Comitê Olímpico Brasileiro, o Time de Guerreiros tem mandado seus jogos em outras praças. Ciente da importância do “Maior do Mundo”, o técnico Eduardo Baptista lamentou não poder contar com o campo.

– É o momento do futebol carioca. O Rio de Janeiro vive um momento de Olimpíada. Temos de nos adaptar e fazer um campeonato bom, apesar de não termos o Maracanã – disse.

Com cores inspiradas no Flu, Mangueira é parabenizada pelo clube

flu - mangueira

Fundador da Mangueira, Cartola era fanático pelo Fluminense e colocou as cores rosa e branca por conta de uma bandeira tricolor desbotada (Reprodução Instagram)

Presidente do Sindicato dos Atletas do Rio comenta “Fla-Flu x Ferj”

ferjDesde o ano passado, uma briga vem mexendo com o futebol carioca: a Ferj e seus aliados de um lado contra o Fluminense e o Flamengo do outro. Presidente do Sindicato dos Atletas e, atualmente, técnico do Madureira, Alfredo Sampaio comentou acerca do cenário atual e explicou os motivos de ter sido contrário à realização da Primeira Liga.

– Vejo como desportista também. Fui jogador, sou técnico, dirigente… Cresci vendo o futebol como um dos principais aspectos do país e o Estadual era uma das grandes competições do país. O Estadual gera um mercado de trabalho muito grande. Eles querem fazer grandes jogos para lucrar mais. Já tive a oportunidade de falar com esses clubes que não estão falidos por jogar com pequenos, mas foi por más administrações. Particularmente, sou contra. Acho que o Estadual tem uma importância vital na carreira do estado. Fui contra a Liga, pois não surge como um produto bom para o futebol brasileiro. Surge pelo conflito de dirigentes. O presidente do Flamengo não se dá com o presidente da federação e cria uma liga por retaliação. O Petraglia tem problemas com a federação paranaense. O Delfim queria ser presidente da CBF. Fui contra por isso. Por ela ser criada para prejudicar um produto já existente. O que pega no nosso futebol é isso. Muitas pessoas tomam decisões sem pensar na questão esportiva. Pensam em interesses pessoais, política e o lado financeiro apenas. Os clubes arrecadam o suficiente. Se têm dívidas, foram eles mesmos que criaram. Não foram Madureira, Central de Caruaru… O Campeonato Carioca poderia ser melhor mesmo. Era questão de exigir campos melhores, com a questão da TV investindo, os pequenos também em contratações de bons jogadores. Para se manter um produto, tem de se qualificá-lo. O futebol se tornou escada para um monte de coisas, como carreiras políticas… O futebol perde com isso, pois as decisões esportivas ficam em segundo plano – disse.

Fluminense bate o Madureira pela Taça Guanabara Sub-20

Ca3x_scWcAI_wa4.jpg largeMais um triunfo para a meninada de Xerém. Mesmo atuando fora de seu domínios, em Conselheiro Galvão, o time sub-20 do Fluminense não tomou conhecimento do Madureira e venceu, por 1 a 0. Com o resultado, a equipe continua invicta na Taça Guanabara da categoria, agora com duas vitórias e um empate, num total de três jogos. O gol da vitória foi marcado por Felipe.

Flu ajuda na divulgação das redes sociais da Primeira Liga

Certamente a competição mais polêmica dos últimos tempos, a Primeira Liga saiu do papel, apesar dos esforços da Ferj e da CBF para impedir o desenvolvimento do torneio, pelo menos em 2016. Uma das instituições que mais lutam pela independência dos clubes, o Fluminense agora divulga, através de suas redes, os canais oficiais da competição.

Confira:

PL

Vale lembrar que, na estreia da Primeira Liga, os comandados de Eduardo Baptista foram derrotados, por 1 a 0, para o Atlético-PR, em Volta Redonda.