Trabalhando firme pelo retorno. Afastado dos gramados desde o dia 25 de agosto, quando sofreu estiramento dos ligamentos no joelho direito, o atacante Pedro tem recuperação considerada para lá de satisfatória no Fluminense. O jogador tem trabalhado em dois períodos e já consegue fazer movimentos em um ângulo de 90 graus na área afetada. Desde que recebeu alta após a cirurgia, o atacante mantém a rotina de recuperação em casa e no centro de treinamento do clube, sempre sob a supervisão do fisioterapeuta Nilton Petrone e do médico Douglas Santos.

A evolução tem surpreendido positivamente os profissionais do clube, mas a ordem nas Laranjeiras é não queimar etapas e manter a cautela. Assim, o retorno aos campos segue fixado para fevereiro ou março de 2019.

Mesmo distante dos campos, o camisa 9 segue reinando absoluto na artilharia tricolor no ano. Com 19 gols, ele lidera de forma isolada a tabela de goleadores do Fluminense na atual temporada.

A contusão veio justamente às vésperas de sua primeira viagem com a seleção brasileira, além de ter interrompido as conversas por uma eventual transferência ao Real Madrid, algo que já vinha sendo conversado entre brasileiros e espanhóis.

Com essa baixa, os gols da equipe passaram a ser mais distribuídos, e Luciano, com cinco bolas na rede, tem se destacado na tarefa de marcar desde então. Everaldo, Richard, Jadson e Digão, com dois cada, completam a artilharia da equipe.