(Foto: Lucas Merçon - FFC)

Se hoje vive bom momento com a camisa do Fluminense, André teve de suar muito para chegar a tal estágio. Em entrevista ao canal do Victor Lessa, o volante recordou como foram os primeiros passos no Tricolor, na adaptação a Xerém depois de chegar vindo do interior da Bahia.

— Sou natural de Algodão. Começo foi difícil. Cheguei novo, adaptação longe da família. Os primeiros meses foram difíceis, mas depois me adaptei bem em Xerém, cidade parecida com o interior, isso ajudou. Os profissionais lá são excelentes e isso me deixou mais preparado – contou.

Desde que subiu ao profissional do Fluminense, André já disputou 32 jogos e fez um gol.