(Foto: Lucas Merçon - FFC)

Por muitas vezes cobrado pela torcida do Fluminense, Gilberto acabou sendo peça-chave na conquista da Taça Rio. Afinal, fez o gol tricolor no empate de 1 a 1 com o Flamengo no tempo normal, sucedido pela vitória nos pênaltis por 3 a 2. Ao NETFLU, o empresário do lateral-direito, Alan Espinosa, contou como ficou o lateral-direito depois da partida.

— A gente conversou logo depois do jogo. Eu sempre mando mensagem para ele. Ele me ligou e estava muito feliz, não tenha dúvida. É um título extremamente importante para ele e para a carreira dele – afirmou.

Segundo Espinosa, Gilberto tem a real noção da importância do seu feito para o Tricolor das Laranjeiras. Até por isso, está difícil de baixar a adrenalina pós-jogo.


— A gente sempre troca muita ideia. Ele disse que fica passando um filme do jogo na cabeça, a adrenalina muito alta. Ele sabe do tamanho do jogo de ontem, o peso. Tem consciência disto, por isso sabe da importância que foi o gol. E ele tem um carinho muito grande pelo Fluminense, o que faz com o que o clube tenha um torcedor dentro de campo – falou.

Confira outras respostas de Alan Espinosa ao site número 1 da torcida tricolor:

E qual é a expectativa do jogador para esses dois jogos decisivos contra o Fla?

— A questão é física. A preocupação é se o Fluminense vai suportar. Por tudo o que a gente já sabe, por priorizar o que deve ser priorizado, o Fluminense voltou depois de todo mundo e a preocupação é física. Mas pelo que converso com o Gilberto, o foco é total para fazer história novamente.

O extracampo envolvendo Ferj, pandemia e favoritismo do Fla serviram para motivar ainda mais o atleta e o grupo?

— Se isso serviu ou não como motivação, eu não sei. Ele é um cara muito focado, não se prende muito nessas coisas extracampo, se cuida muito. Ele sabe que precisa do corpo dele, é um jogador de muita força e por isso estava bem preparado para a final.

Relação com a diretoria do Fluminense

— Espetacular a relação, porque se fala a verdade. O Gilberto ficou no Fluminense porque o Mário foi muito sincero. Tudo o que o Mário falou, ele cumpriu. A relação é até um pouco fora da curva de tão boa.