Atuações NETFLU – Cruzeiro 2 x 0 Fluminense

Atuações NETFLU – Cruzeiro 2 x 0 Fluminense

22261678482_ef702bcaa8_b

Por Paulo Brito

 

DIEGO CAVALIERI – NOTA: 8,0

– Fez grandes defesas, evitando um placar mais elástico do Cruzeiro. Não teve culpa nos gols que sofreu.

HIGOR LEITE – NOTA: 4,0

– Muito tímido na lateral-direita. Com preocupações extremamente defensivas, talvez fosse mais interesse a improvisação de Edson no setor. No lance do segundo gol do Cruzeiro, mostrou falta de cacoete na marcação, levando um corte seco.

GUM – NOTA: 3,0

– Quando atua ao lado de Marlon na defesa, ele parece ter 17 anos. Incrível como erra passes simples e demonstra fragilidade na ocupação de espaços.

MARLON – NOTA: 5,5

– Como sempre, o melhor defensor em campo. Mas a sequência de jogos teve o seu preço: saiu lesionado, no segundo tempo.

(VICTOR OLIVEIRA) – NOTA: 5,0

– Não comprometeu, mas também não solucionou o problema da defesa.

AYRTON – NOTA: 5,5

– Estreia “feijão com arroz” do lateral. Arriscou algumas subidas e fez papel defensivo razoável, tendo em vista os outros companheiros de time.

JEAN – NOTA: 5,0

– Correu muito, tentando marcar os avanços do Cruzeiro, mas se mostrou tímido para sair com a bola nos pés.

CÍCERO – NOTA: 5,0

– Em sua nova função, não aparece mais como elemento surpresa. Ficou basicamente preso a marcação do adversário.

SCARPA – NOTA: 5,5

– Correu bastante, arriscou chutes pouco efetivos e foi o meia que mais tentou fazer algo. Hoje não era o dia dele.

GERSON – NOTA: 3,0

– Matou contra-ataques e perdeu a bola que deu origem ao gol do Fluminense. Não consegue ter uma boa sequência de jogos. Precisa acordar pra vida!

(OSVALDO) – NOTA: 3,5

– Conseguiu ser ainda mais inoperante do que Marcos Junior. Desde que chegou, não fez uma grande partida com a camisa do Fluminense, sendo uma opção que não tem funcionado para o ataque tricolor.

MARCOS JUNIOR – NOTA: 4,0

– Parecendo preso, teve pouquíssima participação no duelo. Para complicar, o púbis voltou a incomodar e foi substituído no intervalo.

(VINÍCIUS) – NOTA: 4,0

– Entrou no intervalo e não deu nenhum pingo e criatividade a mais para a equipe, sobretudo porque seus companheiros também não conseguiam aparecer para jogar junto com ele. Ainda está sem ritmo.

FRED – NOTA: 4,0

– Por conta da fraquíssima atuação dos meias na partida, tocou pouquíssimas vezes na bola, não tendo nenhuma oportunidade real de estufar as redes.

EDUARDO BAPTISTA – NOTA: 4,0

– Manteve os atletas que considerava titulares e, mesmo com os treinos específicos para os setores de defesa e de ataque, o time não pôs em prática nada, sendo pouco efetivo. De quebra, escalando Marlon em seu terceiro jogo numa única semana, viu o atleta torcendo o joelho e virando dúvida para encarar o Palmeiras, no meio da próxima semana.


Sem comentários