Atuações NETFLU – Fluminense 0 x 0 Corinthians

Atuações NETFLU – Fluminense 0 x 0 Corinthians

DIEGO CAVALIERI – NOTA 6,0

– Três defesas no jogo. Uma fácil, outra de grau de dificuldade mediana e outra importantíssima no fim que garantiu ao menos um pontinho.

GUM – NOTA 2,0

– Nem os chutões conseguia acertar. Fez partidas mediana, tendo muito trabalho com Emerson. Foi expulso de maneira infantil, prejudicando o time.

LEANDRO EUZÉBIO 0 NOTA 4,5

– Deu os habituais sustos na torcida, mas, na medida do possível, jogou com seriedade.

EDINHO – NOTA 5,5

– É zagueiro e precisa se convencer disso. Partida segura, sem erros contundentes.

IGOR JULIÃO – NOTA 5,5

– Não foi o jogador das partidas anteriores. Esteve envolvido, porém, em lances capitais. Finalizou para defesa de Cássio e sofreu pênalti ignorado pela arbitragem.

WILLIAN  – NOTA 6,0

– Grata surpresa. Começou bem, distribuindo passes, antecipando na marcação. Caiu um pouco no segundo tempo, errando no fundamento básico.

DIGUINHO – NOTA 7,5

– O melhor jogador do Fluminense. Leão em campo, marcou, desarmou e ainda ajudou o time à frente.

FELIPE – NOTA 5,0

– Único armador do time, tentou criar as jogadas e deu alguns bons passes no início da partida. Cansou no segundo tempo, teve queda de produção e foi corretamente substituído.

*WAGNER – NOTA 3,5

– Meia de ligação, limitou-se a dar toques para o lado. Em uma jogada importante, preferiu cabecear do que dominar.

RONAN – NOTA 3,0

– Sentiu o peso da estreia. Longe daquele lateral dos juniores que partia para cima. Tímido, pouco arriscou as jogadas. Ainda deixou muitos espaços na marcação.

RAFAEL SOBIS – NOTA 5,0

– Muito longe da área, não teve oportunidades para finalizar. Muita garra em campo, o que já é de costume.

*BIRO-BIRO – NOTA 4,0

– Entrou para tentar dar velocidade ao time, que, àquela altura, já jogava com um a menos. Pouco acionado.

KENEDY – NOTA 4,0

– Se enrolou demais com a bola. Não foi opção para os meias e laterais e acabou sendo substituído.

* SAMUEL – NOTA 3,5

– Entrou muito mal. Não incomodou a zaga corintiana e ainda perdeu boa chance após cruzamento de Igor Julião.

 

VANDERLEI LUXEMBURGO – NOTA 6,5

– Foi inteligente ao armar um ferrolho para impedir o toque de bola corintiano.  Antecipou Edinho para a zaga e o sistema defensivo sofreu pouco. Com muitos garotos à disposição, não hesitou de lançá-los.