(Foto: Lucas Merçon - FFC)

Paulo Henrique Ganso não é o único jogador questionado que possui números que demonstram sua importância para o Fluminense em 2019. O também meio-campista Daniel, barrado pelo técnico Oswaldo de Oliveira, lidera estatísticas importantes na equipe.

Fora da equipe titular no duelo com o Avaí e treinando com os reservas, o atleta de 23 anos é quem mais deu assistências no elenco nesta temporada – oito – e também é líder em passes decisivos, com 22.

Mesmo sendo um apoiador de origem, vinha executando a função de um segundo volante e, embora franzino, tem média de 54% em desarmes ganhos, além de índice de 89% de acertos de passe.

Na última partida, o técnico tricolor optou por sacar Daniel para a entrada de João Pedro. Assim, Ganso foi recuado para Nenê atuar como meia armador.

Neste sábado, o time deve ir a campo com Muriel; Gilberto, Nino, Digão e Caio Henrique; Airton, Ganso e Nenê; Wellington Nem, Yony González e João Pedro.