Bem humorado, Drubscky conta quando o Flu terá sua cara

Bem humorado, Drubscky conta quando o Flu terá sua cara

Foto: Nelson Perez/Fluminense F.C
Foto: Nelson Perez/Fluminense F.C

Mais uma vez, Ricardo Drubscky foi perguntado quando o Fluminense terá sua cara. O início da resposta foi bem-humorada. Depois, o treinador falou sério e explicou que, neste começo de jornada, o objetivo é continuar o que Cristóvão Borges vinha trabalhando.

– Tomara que esse time nunca tenha a minha cara, que é feia demais. Não quero ficar divagando, enganando mídia e torcedor. Estamos inserindo alguns conceitos, conhecendo atletas. Sou participativo, os jogadores passam a impressão de estarem aceitando o trabalho. Estou continuando o trabalho do Cristóvão. Eu acho que temos de trabalhar com mais tempo, qualidade, ponderação. Vamos fugir um pouco do resultado imediato, da bola que entrou ou não. Essa semana vai ser importante. Sem dúvida nenhuma, os jogadores ainda estão me conhecendo. Espero que as vitórias venham, pontos, classificação. Espero ir conseguindo pontos para galgarmos classificações e disputar títulos.


Sem comentários