(Foto: Mailson Santana - FFC)

Um dos projetos mais controversos, capitaneando pelo diretor de futebol do Fluminense, Paulo Angioni, pode subir no telhado nesta temporada: o time sub-23.

Passando por revisão orçamentária, o Campeonato Brasileiro de Aspirantes corre o risco de não acontecer, segundo o jornalista Rafael Zarko, do portal GE. A CBF não se posicionou sobre o torneio e apesar dos clubes manterem esperança, já lamentam um possível cancelamento.

O Fluminense aproveita o espaço para, em vez de emprestar jogadores, colocá-los para ganhar mais experiência na competição, mesclando diversas categorias, além de ir ao mercado fazer contratações pontuais.