Caso Robert: Mãe de jovem que dirigia veículo desmente embriaguez

Caso Robert: Mãe de jovem que dirigia veículo desmente embriaguez

robertA mãe de Jomary Azeredo da Silva de 21 anos, condutor do veículo que estava o meia Robert, do Fluminense, negou o consumo de álcool. O acidente automobilístico feriu gravemente o jogador, que segue internado, mas sem risco de morrer.  Maisa Azeredo Pereira, que também é mãe de uma das menores que estava no carro, não quis comentar o furto e o fato de duas garrafas terem sido encontradas no interior do carro.

– Eles (Monique e Robert) são menores de idade, mas ninguém consumiu nenhuma bebida. Meu filho dirigia o carro, minha filha estava no banco de trás com o Robert. Foi uma fatalidade. Não vamos mover processo na justiça. O importante é que todos estão bem e não correm risco de morrer – disse ela, falando da amizade dos três:

– Eles cresceram juntos. Desde pequenos brincam e se divertem juntos. As duas famílias são muito amigas e se conhecem há anos. Nós moramos próximos. Estou em contato constante com a família do Robert. Eles estão tranquilos, porque ele está se recuperando muito bem. Ninguém corre risco de morrer – explicou.


Sem comentários