2Nova queda de braço nas Laranjeiras. Conforme noticiado na segunda-feira, o presidente da Unimed, Celso Barros, deseja a volta de Rodrigo Caetano à direção executivo do futebol tricolor. Demitido em dezembro, o profissional, como já era de se esperar, sofre resistência no clube. No entanto, o mandatário da empresa, segundo informa o site Globoesporte.com, faz chantagem: ou o clube tenta contratar o dirigente do Vasco ou não virão reforços de peso.

Em dificuldades financeiras, o clube não se vê em condições de caminhar com as próprias pernas. Mas ao mesmo tempo não pretende ceder e mantém a posição clara de que não quer Caetano de volta.

 


Sem comentários