(Foto: Lucas Merçon - FFC)

O passe para o gol de Luiz Henrique, o segundo na vitória do Fluminense por 2 a 1 sobre a Chapecoense, foi o terceiro Danilo Barcelos no Brasileirão, mas a quarta assistência considerando toda a temporada. No ano, o lateral-esquerdo está só atrás de Luiz Henrique e Nenê.

Luiz Henrique aparece em segundo com cinco, enquanto Nenê lidera com seis. Em entrevista, Danilo Barcelos mira alcançar os números de Nenê, mas prefere focar primeiramente nos objetivos coletivos com o time nos torneios e na temporada.

– Feliz em dar o passe para o Luiz (Henrique) e todos os outros ali da frente. É um menino de ouro, que batalha demais e está conseguindo manter alto nível com a gente aqui há mais de um ano. Para o nosso futebol, que é muito exigente, isso é muito difícil. Com ritmo e mais minutos, as oportunidades aparecerão, e espero aumentar ainda mais os meus números. Se isso acontecer (de passar o Nenê), vai estar comprovando que estaremos encostando mais em cima na tabela. Isso que importa – disse ele.