(Foto: Mailson Santana - FFC)

Último dos reforços contratados pelo Fluminense para a temporada a fazer sua estreia com a camisa tricolor, o zagueiro David Braz revelou um dos principais motivos por ter aceitado a proposta do clube verde, branco e grená, e deixado o Grêmio, seu ex-clube.

– Foi um dos motivos, sim. O espírito (de guerreiro) que o grupo tem nos jogos é histórico no Fluminense. Lembro em 2009, quando o time estava brigando para não cair, fez uma grande campanha de recuperação e no ano seguinte foi campeão brasileiro. É histórico no clube de nunca desistir em meio às dificuldades. E ano passado esse grupo resgatou isso. Eu tinha acompanhado um jogo em que estava atuando no Grêmio. Foram dois jogos muito difíceis – lembrou ele, recordando ainda de uma conversa com Muriel:

– Até comentei com o Muriel depois que, dos últimos times do Fluminense que eu tinha enfrentado, este era o mais difícil. E aí surgiu a oportunidade de vir jogar aqui e logo lembrei dessa partida. Vi a qualidade do grupo, vi os desafios que o grupo tinha na temporada e me interessei bastante por esse projeto, pelas pessoas. O interesse do Fluminense foi muito grande pelo meu trabalho, e isso me deixou muito contente e aceitei esse desafio. Está sendo uma honra – disse.