Deslanchou! Rhayner e Sobis comandam triunfo do Flu

Deslanchou! Rhayner e Sobis comandam triunfo do Flu

No intuito de poupar seus titulares para as fases derradeiras do Libertadores e do Estadual, o técnico Abel Braga foi a campo, diante do Bangu, apenas com Sobis e Rhayner como figuras que normalmente aparecem entre os titulares. Apesar das várias mudanças, o Time de Guerreiros conseguiu mandar no confronto e bateu o adversário por 2 a 0, com gols de Rhayner e Sobis.

Logo aos dois minutos de jogo, Samuel tirou bem do marcador, ficou frente a frente com o goleiro, mas, solidário, tentou tocar para o meio da área e perdeu boa chance. A pressão continuou. Atuando de forma tranquila, o Tricolor abriu o placar logo aos cinco minutos. Depois de boa trama do ataque, Wallace recebeu na ponta direita e passou para Rhayner que, num rápido giro, estudou as redes de Getúlio Vargas.

E a pressão tricolor continuava, com um domínio muito maior da posse de bola. Aos 19, Rhayner puxa contra-ataque em velocidade e passa para Felipe, que descola lindo passe para Rafael Sobis. Na frente de Getúlio Vargas, o atacante chuta forte e acerta a trave. As jogadas saiam com facilidade, aproveitando o conforto dado pela vantagem, mesmo que mínima, no placar.

Na etapa complementar, o Tricolor pôs o pé no freio, mas sem tomar grandes sustos. O goleiro do Tricolor, Ricardo Berna, mostrou um ótimo reflexo aos 29 minutos da etapa final. Primeiro, Mayaro obrigou o arqueiro a fazer ótima intervenção. Na sobra, ele  praticou mais um milagre, mesmo sem querer, com a bola estourando em sua face. Logo depois, o Abel tirou Felipe e colocou o jovem Biro-Biro. O menino mal entrou, incendiou o jogo e não ampliou por pouco.

Vale destacar também a atuação de Fernando, que entrou pelo setor esquerdo para complementar os avanços de Monzón, outro com boa participação. Felipe distribuiu bem o jogo, mas ainda precisa de mais ritmo para preencher as expectativas do torcedor em torno dele.No fim, Biro-Biro foi esperto, pegou bola que escapoliu de uma cobrança de falta errada do Bangu, passou para Sobis que, avançou pela ponta esquerda do ataque e encheu o pé, mandando cruzado: 2 a 0. Que venha o Volta Redonda nas semifinais!