Dirigente não crê que problemas extracampo atrapalharão o Flu

Dirigente não crê que problemas extracampo atrapalharão o Flu

Nos últimos três meses, o Fluminense teve três casos de doping: Thiago Neves, por ter se medicado sem comunicar ao clube, Deco e, agora, a jovem revelação Michael. Eliminado no último domingo no Carioca, pelo Botafogo, o Fluminense terá um duelo importante, quarta-feira, diante do Emelec. Para o diretor-executivo do clube, Rodrigo Caetano, tais problemas não vão interferir no desempenho do Time de Guerreiros.

– Não vejo isso tudo como algo que venha a atrapalhar tanto dentro de campo. Até agora, apenas um campeonato acabou para o Fluminense. E pretendemos dar um seguimento vitorioso a 2013 como aconteceu no ano passado – disse.