michaelUm dos que mais incentivou Michael enquanto esteve fora de combate, Fernando Simone também comemorou o retorno do atacante. O diretor executivo de futebol do Fluminense, que trabalhou muitos anos com a garotada em Xerém, não via a hora de ter o jovem de volta.

 

– Estou extremamente feliz que acabou essa tortura de não poder contar com o Michael. Um jogador de qualidade diferenciada e que gente tem noção que pode ser um dos grandes atacantes do futebol brasileiro daqui a um tempo. Trabalhou bem estes meses, jogador do bem, e que pode agora suprir algumas necessidades e ser o homem gol na ausência do nosso artilheiro em certos momentos.


Sem comentários