Dono da Viton deixa o Brasil e encerra patrocínio com os cariocas

Dono da Viton deixa o Brasil e encerra patrocínio com os cariocas

Neville Proa irá para Miami neste ano
Neville Proa irá para Miami neste ano

Neville Proa, dono da Viton 44, foi um personagem presente em 2015. Opinou sobre a contratação de Ronaldinho, pediu “Pelo amor de Deus” para o Fluminense encerrar a parceria e, definitivamente, está fora do futebol carioca nesta temporada.

Fluminense, Flamengo e Vasco deixarão de receber, juntos, aproximadamente. R$ 58 milhões. Foram R$ 20 milhões para o Flamengo, R$ 14 milhões no Vasco e mais R$ 16 milhões no Fluminense. Para este ano, a verba tricolor seria aumentada em R$ 8 milhões.

– Vou para Miami. Até este início de janeiro já vendo tudo (no Brasil) e parto para lá. Tchau e benção. Estamos f… aqui. Adoro o Rio e o Brasil, mas preciso pensar na minha família – argumentou o empresário, dono do grupo que estampava as marcas “Matte Viton” “Guaravita” e “Guaraviton” nos uniformes das equipes cariocas.

Com a saída da Viton, o Fluminense deve anunciar em breve a Caixa Econômica Federal como sua patrocinadora master. Frescatto e Voxx provavelmente continuam a estampar suas marcas na camisa tricolor, que passa a ser confeccionada pela Dryworld.

 


Sem comentários