Foto: Mailson Santana - FFC

O empate por 1 a 1, quinta-feira, no Engenhão, garantiu ao Fluminense um lugar na final da Taça Rio. Talvez se esquecendo que o Flu teve um gol mal anulado no segundo tempo quando vencia por 1 a 0, o técnico eliminado, Paulo César Carpegiani criticou a postura tricolor de segurar o resultado que lhe dava a vaga na decisão.

– Acabamos ficando fora por erros nossos e erros meus. O Fluminense jogou com o regulamento debaixo do braço e praticou o anti-jogo. Lamento por isso – disse, e seguiu:

– No segundo tempo, criamos oportunidades, mas não tivemos competência de colocar a bola para dentro. Ficaria preocupado se não tivéssemos criado, mas tivemos chances.