Foto: Mailson Santana/FFC

Falta pouco para o término do mistério em torno das condições das arquibancada do estádio Presidente Manoel Schwartz, o Estádio das Laranjeiras, casa do torcedor tricolor. O NETFLU apurou que o estudo de viabilidade encomendado pela atual gestão do Fluminense terminou dentro do prazo estipulado inicialmente.

A empresa Encopetro Engenharia Estrutural, contratada pelo Fluminense para fazer o estudo de viabilidade para a revitalização do estádio, iniciou seu trabalho no dia 25 de Janeiro. O foco principal é a segurança estrutural através da avaliação da capacidade de público que as arquibancadas (sociais e populares) conseguirão suportar para, depois, dar início às etapas de reforma de Laranjeiras.

O laudo da perícia na arquibancada deverá ser divulgado ainda esta semana pelo Flu. Caso todo o cronograma seja cumprido, a tendência é que o time profissional já use o estádio em 2022 para partidas de pequeno porte, embora as circunstâncias da revitalização ainda estejam em xeque para um grupo grande de sócios proprietários .

A partir deste estudo, que apontará os danos de mais de um século de existência do estádio, a empresa saberá quais os tipos de intervenções necessárias a serem feitas nestas estruturas para haja uma reabilitação na sua capacidade de resistência.