Ex-Flu e Palmeiras ataca de corretor de imóveis

Ex-Flu e Palmeiras ataca de corretor de imóveis

2Promessa do Fluminense em meados dos anos 2000, Lenny convive com o ostracismo desde que foi dispensado pelo Palmeiras em 2010. Sem clube, o atacante tira o seu sustento através de uma nova profissão. Ele acumula imóveis no Rio de Janeiro e ataca como corretor da área.

O jogador de 26 anos rejeita o rótulo e afirma ter propostas de clubes brasileiros e estrangeiros. Enquanto isso, se declara como investidor.

– Não chega a ser propriamente um corretor, mas estou analisando, comprando, vendendo e investindo no mercado imobiliário. Não tenho uma corretora própria, mas visito algumas e me aconselho com amigos da área. Administro alguns imóveis que são meus, deixo outros alugados com imobiliárias e fico atento às oportunidades de mercado. Não é hobby. Posso chamar de ocupação mesmo, até porque tenho um faturamento alto no final do mês. Aluguel e venda dão um dinheiro bom. Não é questão de ostentar, mas não cuido de coisas de R$ 10 mil, R$ 15 mil. São negócios grandes. E fico sempre por perto, afinal o boi só engorda aos olhos do dono – contou.


Sem comentários