2Um dos grandes laterais-esquerdos da história do Fluminense passa por um momento difícil. Marinho Chagas, o melhor da posição na Copa do Mundo de 1974, está internado em estado grave com hemorragia digestiva.

Ele participava de um evento com colecionadores de álbuns de figurinha do Mundial em João Pessoa, quando se sentiu mal. Marinho vomitou sangue e foi levado às pressas para a Unidade de Pronto Atendimento Oceania da capital paraibana.

Na UPA, os médicos não conseguiram estancar a hemorragia. O ex-jogador foi transferido para o Hospital de Emergência e Trauma da Paraíba, mais bem equipado para este tipo de procedimento.

– Ele está morre, não morre. O quadro é grave – declarou  Charles Paulino, plantonista da UPA.

No Hospital de Trauma, Marinho Chagas será submetido a um exame de endoscopia, para que os médicos possam identificar o local específico do sangramento e, só assim, fazer uma cauterização que permita estancar o sangue. No local, ele também vai precisar passar por uma transfusão.

Francisco das Chagas Marinho tem 62 anos e vestiu a camisa do Fluminense entre 1977 e 1978. Disputou 93 partidas pelo Tricolor e, mesmo sendo um jogador de defesa, marcou 39 gols. Foi campeão do tradicional Torneio Teresa Herrera, na Espanha, em 77.


Sem comentários