(Foto: Mailson Santana - FFC)

Em entrevista coletiva realizada na última quarta-feira, o volante Felipe Melo, ao ser perguntado sobre a idade avançada e o no que isso influencia dentro de campo, relativizou. Com 38 anos, o atleta acredita que a idade não queira dizer muito.

– Eu vejo alguns atletas com 38 anos que correm mais do que garotos de 18 anos. E vejo também atletas de 18 anos que têm espírito de liderança muito mais acirrada do que jogadores de 38, 40 anos. Isso vai de cada atleta, o líder já nasce com a liderança – disse ele, complementando:

– E o atleta que é aguerrido, que tem como sua marca maior correr, esse cara vai morrer correndo. É muito relativo isso. Espero que o Abel possa ter a sabedoria para fazer as decisões corretas e façam o Fluminense sair com as vitórias e os troféus – finalizou.