Ferj pedirá autorização à Odebrecht para avaliar o Maracanã

Ferj pedirá autorização à Odebrecht para avaliar o Maracanã

Entidade quer fazer visita ao estádio para saber quanto precisa ser investido para sua reabertura

Mesmo após o adiamento da reunião para debater o futuro do Maracanã, a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) segue empenhada em conhecer a real situação do estádio. A entidade fará um pedido, por intermédio de ofício, à Odebrecht para visitar a arena e ver de perto como está o seu estado.

A partir de tal avaliação, será possível saber o quanto vai ser necessário para a reabertura do Maracanã.

– Depois disso saberemos a real viabilidade. E então vamos conversar com clubes, parceiros e empresas que trabalham lá dentro. Não sabemos se é R$ 200 mil, R$ 500 mil, R$ 1 milhão ou R$ 5 milhões. Temos de ver – explicou o presidente da Ferj, Rubens Lopes.