Flu deve ter superávit de R$17 milhões em 2015, diz Peter Siemsen

Flu deve ter superávit de R$17 milhões em 2015, diz Peter Siemsen

peter siemsenGrande notícia para as finanças do Fluminense. O Tricolor das Laranjeiras conseguiu, finalmente, terminar uma temporada com o saldo positivo, segundo o mandatário do clube, Peter Siemsen. Em conversa com o portal globoesporte.com, o dirigente ressaltou os números conquistados.

A reunião extraordinária foi convocada pelo presidente do Conselho Marcus Vinicius Bittencourt para analisar o pedido de suplementação orçamentária de R$ 35,9 milhões – a votação não havia terminado até as 21h50 (de Brasília). Porém, apesar de uma despesa acima do previsto para o ano, o resultado, segundo Peter, foi bom.

– Devemos fechar com o superávit de R$ 17 milhões. É algo que não acontece faz muito tempo. Desde 2010, ano em que assumi, recebi o clube com déficit acima dos R$ 40 milhões. Em 2011, enquanto arrumava a casa, foi de R$ 34 milhões. A partir de 2012, o déficit sempre esteve perto de zero. Agora teremos um superávit considerável. Houve aumento de receita, que chega na casa dos R$ 180 milhões. Mesmo que da venda de Gerson tenha entrado apenas 1,5 milhão de euros (R$ 6,7 milhões, à época). O restante entrará na receita do balanço de 2016. O clube caminha bem considerando que, em dezembro, houve a ruptura abrupta do antigo patrocinador (Unimed). O clube fez a lição – disse Peter, ao lembrar que o balanço será divulgado em março, antes do começo da sessão.


Sem comentários