Flu e Figueira não chegam a acordo por revelação

Flu e Figueira não chegam a acordo por revelação

juninhoO impasse entre Fluminense e Figueirense pela transferência do meia Juninho para o Tricolor continua. O apoiador de 16 anos treina em Xerém, mas tem contrato em vigor com o clube de Santa Catarina. Ele não atua há quatro meses

Em reunião na Associação Brasileira de Executivos de Futebol, em Botafogo, Zona Sul do Rio de Janeiro, os clubes não decidiram o que será feito quanto ao futuro da promessa. Houve discussão entre dirigentes sobre o “pacto de cavalheiros” firmado em 2012. Nele, ficou combinado que não haveria troca de jogadores entre clubes sem comunicação prévia entre os dirigentes.

A ida de Juninho para o Flu, entretanto, não é ilegal, afinal o contrato dele com o Figueira é amador. O clube carioca, porém, ofereceu 10% dos direitos econômicos para a agremiação alvinegra, que não aceitou.

Juninho, 16 anos, é natural de Palhoça, interior de Santa Catarina. Frequentemente comparado a Kaká, ele tem um contrato de formação com o Figueirense até 2018, quando completa 20 anos. Já foi convocado algumas vezes para as seleções de base, atraindo a atenção de vários clubes antes desse impasse, e entrou na justiça contra o Figueirense pedindo a liberação. A família  também faz pressão para que haja um acerto com os cariocas.


Sem comentários