Alexandre Torres foi demitido pelo Fluminense na terça-feira e já está em conversas para encontrar um substituto. O perfil mudou. A ideia é repetir o modelo adotado por Atlético-PR, com Paulo Autuori e Botafogo, com Antônio Lopes, portanto, um ex-treinador com experiência em gestão.

O nome já foi escolhido pelo presidente Pedro Abad, mas ainda está sob sigilo. Ex-zagueiro do clube, Ricardo Gomes chegou a negociar, mas não avançou. O novo contratado terá função similar a Torres, sendo um elo dos jogadores com a direção, trabalhando ao lado do técnico Abel Braga.

Marcelo Teixeira, gerente geral do futebol, deve continuar auxiliado o departamento. O cargo de vice está vago desde a exoneração de Fernando Veiga. Pelo estatuto, Abad tem até o dia janeiro como prazo limite para indicar novo nome.


Notícias pelo Messenger Notícias pelo Messenger