Flu se previne para evitar penhora do dinheiro da venda de TN10

Flu se previne para evitar penhora do dinheiro da venda de TN10

O Fluminense não quer repetir o mesmo erro da venda do meia Wellington Nem. Após ter os valores da negociação pelo atleta, com o Shakhtar Donetsk-UCR, penhorados, o clube se preveniu para que a história não se repetisse na venda de Thiago Neves. O plano armado pelo Time de Guerreiros, que tem a receber R$3,6 milhões do Al Hilal, referentes a 20% dos direitos econômicos sobre o jogador, foi pedir que sua parte fosse depositada em duas vezes.

A ideia do Tricolor é ganhar tempo até que consiga fechar um acordo para pagar sua dívida fiscal.