(Foto: Lucas Merçon/FFC)

Ainda sem um técnico para a próxima temporada, a diretoria do Fluminense tenta conseguir manter ao menos uma base de seu elenco principal para 2019. No meio-campo, coração do time, o Tricolor ainda convive com algumas incertezas, especialmente na posição de volante.

Até o momento, Richard é o único com a situação definida. O atleta foi negociado com o Corinthians e jogará a próxima temporada no clube paulista. Outro que também deve sair é o volante Airton, que tem contrato até o fim do ano e o Flu ainda não sinalizou com uma proposta de renovação. O jogador ainda foi sondado pelo Santos.

Por outro lado, Jadson e Dodi devem permanecer. O primeiro tem contrato por mais um ano com o clube e já avisou que pretende cumprir. O atleta só sairá caso haja uma boa proposta para ambos os lados. Já no caso de Dodi, o jogador ficou livre no mercado após o término do seu contrato com o Criciúma, que o havia emprestado ao Flu, e o Tricolor ofereceu um contrato de três anos. Sua permanência está encaminhada e por detalhes.

Criados na base, Fernando Neto, com contrato até o fim de 2019, e Mateus Norton, até o fim de 2020, a princípio, devem permanecer para compor o elenco. O primeiro teve mais chances na reta final de temporada e agradou mesmo com poucas aparições, já o segundo foi mais contestado pela torcida, mas jogando em uma posição que não era a sua: a lateral-direita.