(Foto: Mailson Santana - FFC)

O Fluminense terá mais duas jovens promessas da “Geração dos Sonhos” do sub-17 subindo de categoria. O lateral-esquerdo Jefté e o volante Alexsander, ambos de 17 anos, foram integrados ao grupo do sub-23. Os dois voltaram ao clube nos últimos dias após servirem à Seleção Brasileira Sub-18. A informação foi dada em primeira mão pelo jornal “Lance!”.

Assim como outras jovens promessas, os jogadores passam a treinar no CT Carlos José Castilho, onde ficam mais próximo da equipe principal e podem ser observados pela comissão técnica de Roger Machado.

Habilidoso e com um jogo ofensivo, Jefté é mais uma das joias criadas no Fluminense. Antes de conseguir entrar na base tricolor, inclusive, o defensor foi recusado em três testes. Assim, começou a trajetória no Tigres do Brasil, também localizado em Xerém. Aos 14 anos, porém, o lateral-esquerdo chamou a atenção do Tricolor e mudou de equipe. Durante a última temporada, o jogador disputou 27 partidas, sendo titular em 25, divididas entre o sub-17 e o sub-20, onde fez três partidas. O atleta foi campeão brasileiro e vice na Copa do Brasil e na Supercopa.

Alexsander, por sua vez, assinou no início de fevereiro o primeiro contrato profissional com o Fluminense, até o fim de janeiro de 2024. A multa rescisória para o mercado internacional é de € 40 milhões (R$ 276 milhões na cotação atual). Ele começou as competições do sub-17 como reserva, mas ganhou a vaga após a lesão de Pedro Rocha e não saiu mais do time.