Evento também relembrará a inauguração do Cristo Redentor (Foto: Divulgação - FFC)

O Fluminense celebrará, na sexta-feira, uma Santa Missa em honra a São João Paulo II, no Salão Nobre do Fluminense Football Club, no Estádio das Laranjeiras. O reitor do Santuário Cristo Redentor, Padre Omar Raposo, será o responsável por presidir o evento.

Desde 2010, o Papa João Paulo II, também conhecido como João de Deus, é padroeiro do Fluminense. Porém, sua relação com o clube vem de 1980, quando veio ao Brasil pela primeira vez e inspirou a canção que serve de trilha sonora para os triunfos heroicos do Tricolor.

Na passagem pelo país, em junho daquele ano, o pontífice recebeu de presente uma camisa do Flu. Em outubro, o hino “A bênção, João de Deus” ganhou as arquibancadas do Maracanã.

A celebração também vai rememorar o dia de Inauguração do Cristo Redentor. Em 12 de outubro de 1931, os festejos iniciaram-se com uma Missa Campal no Estádio das Laranjeiras, que tem vista privilegiada para o monumento, presidida pelo Arcebispo de Mariana, Dom Helvécio Gomes de Oliveira.

— O Papa João Paulo II foi o único Sumo Pontífice que, até hoje, visitou o Santuário Cristo Redentor. Existe uma proximidade muito grande entre o Cristo Redentor e o Santo Padre. E ele é o padroeiro do Fluminense, onde foi iniciada a inauguração do nosso querido monumento símbolo do Brasil. Dessa forma, evidenciamos a nossa fé e unimos esporte e religião, com valores que podem se integrar – destaca Padre Omar.

A entrada e permanência de sócios, atletas, colaboradores e visitantes só será permitida mediante apresentação do comprovante de vacinação e aferição de temperatura corporal através de termômetros sem toque.