Demorou, mas chegou. Poucas horas depois da informação do jornalista do GE, Rodrigo Capelo, de que o Fluminense era o único clube da elite do futebol brasileiro a não divulgar o seu planejamento financeiro referente a 2020, o clube se mexeu. A dívida aumentou em mais de R$ 50 milhões.

Nesta noite, a instituição verde, branca e grená disponibilizou as 50 páginas no portal da transparência. O conteúdo está aberto e qualquer um pode consultar. O prazo legal para a publicação era exatamente esta sexta-feira.

A dívida total do clube aumentou. Saltou de R$ 718 milhões para cerca de R$ 769 milhões. Para acompanhar o planejamento completo, clique aqui.