(Foto: Divulgação/FFC)

Na noite desta terça-feira, os membros do Conselho Deliberativo tricolor se reuniram, no Salão Nobre das Laranjeiras, para discutir se as contas de 2017 da gestão Pedro Abad seriam apreciadas ou se esperariam as de 2016. No entanto, houve tumulto e, além disso, de acordo com a apuração do NETFLU, também teve pancadaria entre os presentes.

Após a confusão que atrapalhou a reunião do Conselho Deliberativo, o Fluminense emitiu um comunicado no site oficial lamentando o ato ocasionado por um de seus conselheiros. O clube informou que tomará medidas de acordo com o que prevê em seu estatuto.

Confira o comunicado: 

“O Fluminense lamenta e repudia o encerramento, de forma extemporânea, da Reunião do Conselho Deliberativo, na noite de ontem (09/10), ocasionado por um ato isolado de um de seus conselheiros. O clube entende que violência nunca deve ser a via escolhida para resolução de problemas e que as medidas previstas em seu estatuto, para casos como esse, devem ser tomadas de forma exemplar.”