Com o gol marcado na vitória do Fluminense sobre o Cerro Porteño por 1 a 0 nesta terça-feira, no Maracanã, Fred se isolou como o terceiro maior artilheiro brasileiro na história da Libertadores. Ele chegou a 23 gols na competição continental, ultrapassando Célio Taveira (ex-Vasco e Nacional-URU, clube pelo qual marcou todos os seus 22 gols no torneio).

Agora, o ídolo do Fluminense está a apenas dois gols de se tornar o segundo colocado neste ranking. Ele pode se igualar a Palhinha, que tem 25 gols. O maior artilheiro brasileiro na história da Libertadores é Luizão, com 29. Na atual edição, Fred chegou a 5 gols e está a apenas um dos artilheiros do torneio.

Na próxima fase, em busca da classificação para a semifinal, o Time de Guerreiros terá pela frente o Barcelona de Guayaquil. O jogo de ida do confronto está marcado para o próximo dia 12 (quinta-feira), às 21h30, no Maracanã. O jogo de volta será uma semana depois, no dia 19, no mesmo horário, no Estádio Monumental de Barcelona, no Equador.