Ex-jogador da Real Sociedad é preso por maus-tratos contra mulher

Pinterest LinkedIn Tumblr

Infelizmente, a violência ainda persiste no mundo do futebol. Ela surge em diversas ocasiões, como em brigas entre torcedores, ou até mesmo entre jogadores. Existe ainda casos piores, que não têm relação nenhuma com o esporte nas quatro linhas. É o caso de violência contra a mulher, que já tem vários exemplos como Daniel Alves, servindo sua pena em casa e Mason Greenwood, que retornou ao Manchester United. Agora, Javi de Pedro, ex-jogador da Real Sociedad, foi condenado por maus-tratos contra uma mulher.

Javi de Pedro, ex-Real Sociedad, é condenado a 9 meses de prisão

Aconteceu mais um caso de violência contra a mulher no mundo do futebol. O jornal espanhol El diario vasco informou nesta quarta-feira (12) que a justiça condenou Javi de Pedro a nove meses de prisão por maus-tratos a uma mulher. O ex-jogador da Real Sociedad foi enviado a uma cadeia em Martutene, para servir sua pena.

As autoridades estavam na busca do ex-atleta há algum tempo. O espanhol teria mudado de endereço diversas vezes, para evitar ser detido. Nesta segunda-feira (10), outra mulher fez uma denúncia contra Pedro, por agressão. Ele teria provocado uma fratura no cúbito e no rádio de um braço. A vítima teve que passar por cirurgia.

O tribunal de San Sebastián ordenou que Javi não pode ficar a menos de 300 metros do domicílio, local de trabalho ou qualquer outra localização onde a vítima esteja. A restrição foi imposta durante um ano e quatro meses.

Receba notícias da La Liga no seu WhatsApp

[lwptoc]