Ravena estava convocada para período de treinos com a seleção sub-20, mas teve de ficar fora (Foto: Adriano Fontes - Divulgação)

Em treinamento no CT Vale das Laranjeiras, em Xerém, Ravena sofreu uma fratura no dedo anelar da mão direita. Com isso, a goleira do Fluminense terá de passar por uma cirurgia.

A jogadora estava convocada para período de treinamentos junto à seleção feminina sub-20 em Pinheiral, mas não pôde se apresentar.

— A Ravena sofreu uma fratura na articulação da Falange média e necessitou de abordagem cirúrgica para sua correção. Estimamos que o retorno da atleta às suas atividades ocorra em um período máximo de dois meses, sem sequelas permanentes que comprometam suas atividades em campo – disse coordenadora do departamento médico feminino tricolor, Danielle Cervinho.

Sem Ravena, Tarciane, Luiza Travassos e Luany representam o Fluminense no período de treinamentos da seleção feminina sub-20 no interior do Rio de Janeiro.