No programa “NETFLU na Rede” dessa última terça-feira, Gustavo Albuquerque não poupou críticas aos dirigentes do Fluminense e a forma como os cartolas conduzem as coisas dentro do clube. Segundo ele, o Tricolor não pode delegar o seu futuro a um treinador.

Gustavo fez críticas ao trabalho de Roger Machado, demitido há cerca de duas semanas, e também detonou Paulo Angioni, diretor de futebol do clube, que de acordo com ele, “faz um trabalho nojento”.

Confira abaixo um trecho do programa: