Jogador mais bem pago pelo Fluminense nem entra em campo

Jogador mais bem pago pelo Fluminense nem entra em campo

2O atleta com maior salário no elenco do Fluminense não atua oficialmente pelo clube desde 2011. Contratado após se destacar na Libertadores daquele ano pelo Peñarol (URU), Alejandro Martinuccio recebe US$ 300 mil mensais do clube, o que, na cotação atual, representa R$ 903 mil. Os vencimentos do argentino são maiores que os da estrela da companhia, Fred, que ganha pouco menos de R$ 800 mil.

O contrato de Martinuccio termina em 18 de julho deste ano. Até lá, continuará recebendo até que pinte uma proposta. Caso não ocorra, cumprirá o acordo e, em seguida, provavelmente, será dispensado.

Martinuccio, hoje de 27 anos, teve 50% de seus direitos econômicos adquiridos pelo Fluminense que, na época, dispendeu de 600 mil euros, cerca de R$ 1,3 milhão em 2011. Ele foi contratado sem o auxílio da Unimed, pois o presidente da empresa de saúde, Celso Barros, era contra o negócio. Mandatário do Tricolor, Peter Siemsen bancou.

Disputou somente 15 partidas pelo Flu e marcou um gol. Foi emprestado a Cruzeiro e Coritiba sem se destacar e agora aguarda o fim de seu contrato para decidir sobre o futuro.


Sem comentários