Entre os jogadores tricolores que pegaram Covid-19, John Kennedy foi o que mais sofreu com os sintomas (Foto: Lucas Merçon - FFC)

Depois de ficar muito tempo afastado do Fluminense por ter pegado o novo coronavírus, John Kennedy voltou aos trabalhos e tem treinado com o time sub-23. O atacante retornou ao clube no fim do mês passado e vinha fazendo atividades na academia. Agora, já passou para o campo.

Em virtude da longa inatividade, John Kennedy trabalha no sentido de readquirir a forma física.

O atacante foi o jogador do Fluminense a contrair Covid-19 e ter a infecção com o quadro mais forte. Ele superou Samuel Xavier. Sua última partida foi na vitória de 1 a 0 sobre o Botafogo, no dia 17 de abril, pelo Campeonato Carioca. Jogou oito vezes e fez dois gols na temporada.