De volta ao futebol brasileiro desde o meio do ano passado, quando o Fluminense o contratou pensando para a temporada atual, Jonathan comentou sobre as pressões exercidas pelas torcidas em terras brasileiras.

– Acho que o Fluminense por ter esses grandes jogadores e pelas grandes conquistas, terá sempre uma cobrança grande. Temos que saber e assimilar, pois time grande é assim. Costumo dizer que quem não quer ter pressão, precisa fazer outro trabalho. Vai virar astronauta e viver no espaço. O futebol tem pressão, não tem jeito. Nós somos muito bem remunerados para fazer o nosso trabalho, e nada mais justo que entrar em campo e fazer o melhor. Não podemos prometer ao torcedor e diretor que vamos vencer todos os jogos, mas temos que entrar com a camisa do Fluminense e deixar a nossa alma ali dentro – disse.


Notícias pelo Messenger Notícias pelo Messenger