Foto: Nelson Perez/Fluminense F.C
Foto: Nelson Perez/Fluminense F.C

Em sua coluna no site do jornal Zero Hora, Diogo Olivier acredita que o Grêmio está com um pé e meio nas semifinais da Copa do Brasil. O jornalista, no título de seu post, diz que só uma catástrofe impedirá a classificação do time de Roger Machado. Confira a opinião na íntegra:

 

O ideal, para o Grêmio, teria sido ao menos um gol no Maracanã, é claro. Mas não dá para reclamar do empate em 0 a 0.  O time de Roger Machado mostrou que é muito superior ao Fluminense. Não foi uma atuação impecável, como algumas do Brasileirão fora de casa. Ainda assim, mesmo abaixo do seu padrão, e diante de um Fluminense fazendo final de Copa para sair da crise, o Grêmio quase venceu.

A volta de Maicon e de Giuliano trouxe troca de passes com mais qualidade, apesar de o volante estar fora de ritmo. Na segunda etapa, a vitória era tão nítida que Roger sacou Bobô, surpresa de última hora desde o início (Luan foi para a esquerda, no 4-2-3-1). Entrou Fernandinho, mas ele decepcionou em sua jogada de ponteiro esquerdo.

Depois, Roger ainda tentou Mamute: Douglas saiu cansado. O técnico gremista queria matar o confronto. Ronaldinho teve chance a 30 da segunda etapa, no lugar de Marcos Júnior. Nada fez. Mal tocou na bola. De fato, terminou como jogador de competição.

O Grêmio terminou a partida pressionando o Fluminense, os torcedores gremistas gritando no estádio. A lógica indica classificação tranquila na Arena. O Grêmio irá à semifinal.


Notícias pelo Messenger Notícias pelo Messenger

Sem comentários