Pedrinho fez só 18 jogos e um gol pelo Fluminense (Foto: Reprodução)

A Justiça do Trabalho determinou prazo de cinco dias para o Fluminense pagar dívida de R$ 617.628,73 com o ex-jogador Pedrinho. O ex-meia e hoje comentarista teve uma passagem apagada pelo clube em 2006. O caso foi julgado pela 50ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro e a decisão homologada pela juíza Maria Alice de Andrade Novaes não cabe recurso.

– Venha a ré ao pagamento do valor devido nos autos, de R$ 617.628,73 – determinou a juíza.

O ex-jogador entrou com o processo em dezembro de 2008 cobrando R$ 20 mil e o valor corrigido superou os R$ 600 mil. Pedrinho teve passagem no Flu marcada por lesões e só atuou em 18 partidas, além de marcar apenas um gol.