Jonathan deixou a Itália e foi contratado pelo Fluminense em setembro do ano passado. O motivo de ter aceitado a proposta carioca, segundo o lateral-direito, foi a filha. O lateral se mostrou preocupado com a alfabetização.

– As propostas que eu tive na época não me encheram os olhos. Além do mais, a minha esposa estava grávida, e a gente tinha como objetivo ter o nosso filho no Brasil, para que ele possa ser alfabetizado em português. A minha filha não foi e ela ainda tem um pouco de dificuldade por isso – explicou


Notícias pelo Messenger Notícias pelo Messenger