Luxa: “Árbitro aqui precisa ter colhão e ele não teve”

Luxa: “Árbitro aqui precisa ter colhão e ele não teve”

Luxemburgo diz que árbitro não teve coragem para punir jogadores do Atlético-MG como os do Flu (Foto: Photocamera)
Luxemburgo diz que árbitro não teve coragem para punir jogadores do Atlético-MG como os do Flu (Foto: Photocamera)

Após o empate entre Fluminense e Atlético-MG por 2 a 2, nesta quarta-feira, no Independência, o sentimento geral pelo lado tricolor era de revolta com a arbitragem. E Vanderlei Luxemburgo não fugiu à regra. Na visão do técnico, Anderson Daronco sentiu a pressão da torcida e acabou beneficiando o Galo.

– Falei até com o bandeira, o Altemir. Para apitar aqui tem que ter colhão, não pode pipocar, não pode ter medo de pressão da torcida. Por que ele expulsou o Rhayber e não o Rosinei, que também parou o jogo com uma falta por trás? E por que não expulsou diretamente o Réver por uma entrada dura? E o Fernandinho toda bola que vai escorar, ele segura o marcador. Teve o pênalti que ele não deu no Rafael. Árbitro que apita aqui tem que ter colhão e ele não teve isso. Não teve coragem para expulsar do outro lado, como teve com o Rhayner. Deveria ter – esbravejou.