Manifestantes chegam ao Palácio Guanabara e o Bope é acionado

Manifestantes chegam ao Palácio Guanabara e o Bope é acionado

Os protestos parecem não ter fim em todo o Brasil. Lutando pelos direitos que foram supridos, pouco a pouco, ao longo dos aos, bem como o aumento da corrupção e os investimentos equivocados em áreas de menor interesse público, a população tomou as ruas do Rio de Janeiro nesta quinta-feira. Depois de reunir mais de 300 mil pessoas na Presidente Vargas, principal via do Centro do Rio, os manifestantes se juntaram na Prefeitura, onde aconteceram alguns confrontos.

Agora, no final desta noite, um grupo chegou até o Palácio Guanabara, que fica bem ao lado da sede do Fluminense, nas Laranjeiras, para protestar. Para evitar maiores conflitos, o governo solicitou a entrada do Bope, para fazer segurança. Veículos blindados, conhecidos como “caveirões”, que costumam ser utilizados na entrada em comunidades consideradas de alto risco, estão de prontidão no local. Além disso, o batalhão de choque interditou os dois sentidos da Pinheiro Machado.