Maracanã: confira o que Flu, Fla e Bota ainda negociam

Maracanã: confira o que Flu, Fla e Bota ainda negociam

O Fluminense assinou com o consórcio Maracanã S.A. um acordo para mandar seus jogos por 35 anos no estádio e está satisfeito com o compromisso. Ainda assim, segue em busca de melhorias no acerto. Clubes como Flamengo e Botafogo também discutem termos com o grupo empresarial.

Confira aqui o que cada um dos clubes deseja na parceria com o Maracanã:

FLUMINENSE DESEJA LOJA OFICIAL E MELHORA NOS ACESSOS DA TORCIDA

O Fluminense é um dos clubes que mais elogiam o acordo firmado com o Maracanã. Porém, a diretoria ainda quer saber onde será erguida a loja oficial. Como o governo desistiu da demolição do estádio de atletismo Célio de Barros, a equipe carioca discute com o consórcio outro espaço para vender seus produtos. Melhoras na venda de ingressos em dias de jogos e no acesso dos sócios-torcedores também são outros pedidos do clube das Laranjeiras.

FLAMENGO QUER REDUÇÃO DE TAXAS E MUDANÇA NA VENDA DE CAMAROTES

Uma das principais reclamações, o custo operacional e o “aluguel” do estádio, serão reformuladas no novo acordo que a equipe assinará nos próximos dias. Outra questão que a diretoria Rubro-Negra questiona é a comercialização de camarotes, que se mostrou pouco eficaz nas partidas iniciais. O time da Gávea também quer uma definição sobre onde serão construídos os estacionamentos e restaurantes para ter segurança de assinar acordo longo.

BOTAFOGO DISCUTE FIM DE SETORES SEGMENTADOS NO MARACANÃ

A diretoria do Botafogo admite nos bastidores que considera o atual acordo bom, mas planeja melhoras. A principal reclamação está na divisão da venda de ingressos em setores do clube (atrás dos gols) e áreas do consórcio (no centro do campo). A ideia é dividir a arrecadação com a empresa de todas as cadeiras vendidas nos jogos, desde que aja uma redução nos valores cobrados na parte de melhor visão, em decisão conjunta entre as partes.