(Imagem: Lucas Merçon/Fluminense FC)

Na última quarta-feira, o Fluminense conquistou sua segunda vitória seguida no Brasileirão ao bater o Internacional por 1 a 0. Fred marcou de pênalti aos 3 minutos do primeiro tempo.

Ao final do jogo, a torcida do Flu entoou cântico homofóbicos direcionados ao torcedor do Inter. O caso foi relatado pelo árbitro Felipe Fernandes de Lima na súmula da partida e os torcedores pararam de cantar após um aviso no telão e no sistema de som no estádio que a música poderia prejudicar o clube.

Ao final da partida o técnico Marcão foi perguntado sobre o caso e o comandante da equipe afirmou que só ouviu gritos de apoio e não estava prestando atenção nas letras. O treinador completou pregando o respeito e afirma que o torcedor irá atender.

— Eu estava muito focado no jogo. No momento ali eu só ouvi os gritos de apoio, mas não prestei atenção nas letras. Se realmente aconteceu, eu tenho certeza que o sistema de som já chamou atenção e vamos reunir quem quer que seja para que nas próximas partidas a gente não faça dessa forma. A gente prega o respeito e eu tenho certeza que vai ser ouvido pelo nosso torcedor.