Calegari ganhou oportunidade no meio de campo e agradou (Foto: Lucas Merçon - FFC)

Sem André (suspenso), Martinelli (lesionado) e Nonato (emprestado pelo Internacional), Marcão escalou o Fluminense com Wellington e Calegari no meio de campo junto ao titular Yago na vitória de 1 a 0 sobre o Colorado, quarta-feira, no Maracanã, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Depois da partida, o técnico tricolor explicou suas escolhas e fez questão de elogiar as atuações dos volantes no jogo.

— Perdemos algumas peças importantes. Sempre falamos que nosso grupo é muito bom, tem que estar preparado, pois em algum momento será utilizado. O Calegari já tinha feito algumas partidas ali por dentro. Entendemos que, pelo fato de a equipe do Internacional ter um jogo muito forte no tripé, o Calegari entendeu isso. Fizemos um trabalhinho ontem tático e ele assimilou muito bem. E cumpriu todas as funções, da melhor maneira possível. Ele jogou, marcou com personalidade, e ganhamos mais uma peça importante, que foi um dos melhores em campo junto aos demais – disse, complementando:

— Como o Wellington, que fez uma grande partida. Orientou, posicionou. O Yago também. No geral, nosso time foi muito coeso e tirou o jogo do Internacional. Temos o Daniel, que está muito próximo de nós no sub-23. Ele tem uma característica muito boa e sempre queremos trazer ele para dentro. Se tivesse a opção, mais uma vez iríamos utilizá-lo, tem muito para nos ajudar também.