Clube espera receber para utilizar Marcos Paulo antes da ida para o Atlético de Madrid (Foto: Lucas Merçon/FFC)

Por mais que a saída de Marcos Paulo do Fluminense já esteja certa, o atacante treina com o grupo para a disputa do Campeonato Carioca. Paralelamente a isso, a diretoria segue em negociações com o Atlético de Madrid, da Espanha.

O atacante tem pré-contrato com os espanhóis para sair do Tricolor no meio do ano, mas a tentativa da diretoria é conseguir uma taxa de vitrine por esse tempo que ainda seguirá no Flu.

— Marcos Paulo está treinando com a equipe que se prepara para o Carioca. Mas seguimos negociando com o Atlético de Madrid para que consigamos deixar um percentual de vitrine de performance para quando o atleta estiver atuando aqui até o meio do ano. O Atlético fez uma proposta, nós uma contraproposta. Estamos negociando uma possibilidade de vitrine caso ele atue. Não é obrigatoriedade de ele atuar. Se o Flu for utilizá-lo, receberíamos um percentual. Independentemente disso, temos um training compensation, que é um valor que o clube que recebe o jogador tem de pagar independente se sai com venda de direitos econômicos ou não – disse Mário Bittencourt em entrevista coletiva..

O Fluminense terá direito a “training compensation” por Marcos Paulo, mecanismo da Fifa que renderá ao clube cerca de 500 mil euros (cerca de R$ R$ 3,3 milhões na cotação atual).