(Foto: Lucas Merçon/FFC)

Em participação no “Boteco Brahma Tricolor”, na FluTV, o presidente do Fluminense, Mário Bittencourt, recordou a eliminação do Time de Guerreiros nas quartas de final da Taça Libertadores desse ano. Os comandados de Roger Machado, naquela ocasião, empataram com o Barcelona de Guayaquil (EQU) e acabaram ficando pelo caminho.

– Dava para ter passado (pelo Barcelona de Guayaquil, do Equador), fizemos uma excelente Libertadores, mas infelizmente fomos eliminados para um time pior do que o nosso. A gente ficou muito triste, muitos jogadores choraram no vestiário, eu também – disse ele, acrescentando:

– Foi um momento muito doloroso para nós, mas saímos de cabeça erguida. Disse isso depois da eliminação, o Fluminense precisa frequentar a Libertadores. A estatística diz que quem mais venceu foi quem mais disputou – finalizou o mandatário.