Foto: Lucas Merçon/FFC

Com a má fase de Egídio e Danilo Barcelos, Marlon, que mal vinha sendo relacionado pelo Fluminense, acabou ganhando a chance de iniciar entre os titulares contra o Athletico-PR. Desde então, foram mais dois jogos na equipe principal, contra Flamengo e Santos.

Em entrevista, o jogador lamentou o que aconteceu com seus concorrentes de posição (Danilo Barcelos foi execrado pela torcida com vaias no Maracanã), mas comentou sua sequência como titular na lateral-esquerda tricolor.

– Fico chateado pelas coisas que aconteceram com o Egídio e o Danilo, mas é meu trabalho. Infelizmente, o que aconteceu com eles gerou a minha oportunidade e agora tenho de estar pronto para agarrar e não deixar escapar, no futebol tem sempre alguém querendo o seu lugar – disse ele.